Isabelle Priscila Carneiro de Lima (UFBA)

Título: A TRAJETÓRIA ACADÊMICA DE LISE MEITNER: UMA CRÍTICA FEMINISTA À CIÊNCIA
 
Discente: Isabelle Priscila Carneiro de Lima
Orientadora: Maria Cristina Martins Penido 
Debatedor(a): A definir
 
Resumo:A história da Física apresentada nos periódicos, nos anais de eventos e, consequentemente, discutida nas aulas de Física, traz, em sua maioria, uma história produzida por cientistas homens. Algumas mulheres também são retratadas, mas os escritos são voltados especialmente aos seus feitos e às teorias desenvolvidas. O contexto da pesquisa, suas trajetórias e alguns aspectos inerentes ao desenvolvimento dos trabalhos dessas mulheres são relegados ao esquecimento e, por isso, pouco se conhece ou se discute sobre os caminhos por elas percorridos.Na tentativa de evidenciar essas trajetórias, esta pesquisa tem como principal objetivo apresentar e analisar o contexto da escrita da teoria da fissão nuclear, centrando nossa narrativa na contribuição da física Lise Meitner. À luz de teorias e epistemologias feministas pretendemos destacar como alguns aspectos particulares da trajetória de uma mulher acadêmica na Alemanha nazista nos oferece um novo olhar sobre o desenvolvimento do conhecimento científico. Essa pesquisa tem base historiográfica, com a coleta de dados feita através da consulta de documentos (cartas, registros institucionais, artigos publicados na época). A partir da análise do episódio, construiremos uma nova narrativa sobre o episódio, destacando como alguns aspectos de gênero são latentes nas relações entre homens e mulheres no desenvolvimento da ciência. Acreditamos que  essa discussão é fundamental para compreendermos a natureza do empreendimento científico, principalmente no que diz respeito às trajetórias das mulheres na pesquisa em Física no início do século XX.